Insensato destino: Capítulo 19

Insensato destino: Capítulo 19

 

Web Novela de Reryson Silva

 

 

 

Cleiton: Fui eu! Eu que planejei tudo!

Ângela cai no chão aos berros, Cleiton aproxima-se segurando seu queixo.

Cleiton: Preparem-se para o clímax dessa história!

{Flashback:

Ângela sentia um cheiro ruim… Era a fumaça do fogo. A vela que elas tinha botado sobre a mesa e tinha caindo na cortina perto da mesa, fazendo um grande incêndio. Ela estava ficando sonolenta, com falta de ar. Stella já estava caída no chão.

Ângela: Stella…

Ela vai ficando tonta. De repente algo estranho acontece… Germana aparece e começa a discutir com Ângela.

Germana: Sua hora chegou desgraçada, nós iremos acabar com você.

Ângela não respondia ela estava muito tonta e via tudo embaçado. Atrás de Ângela surgia Nicolle falando poucas e boas à garota.

Nicolle: Acabou pra você!

E logo em seguida surge Andréa.

Andréa: Vamos acabar com você!

As três já tinham falado tudo quando de repente aparece Cleiton.

Cleiton: Olá Ângela! Prepara para sua morte desgraçada? Vamos acabar com você…

Ângela: Você…}

Ângela: Eu estou lembrando! Estou lembrando-me de tudo!

Cleiton: Ainda tem muito mais.

Flashback:

Cleiton: É sou eu queridinha! Você vai se arrepender amargamente do dia que me conheceu e que se entrou no caminho da Germana. Meninas, façam o combinado.

Ângela: Por favor, nos tirem daqui Cleiton! Voce é meu melhor amigo, o qu eu fiz com você?

Cleiton: Nasceu!

Cleiton dava o sinal com a cabeça para as meninas.

Ângela: Eu jamais perdoarei você…

Ângela leva uma paulada de Cleiton.  E Germana o repreende.

Germana: Cleiton Para!  tá bom, você vai mata-la assim!

Cleiton: Essa é a intenção!

Andréa: Não Cleiton, por favor, pare!

Germana: Vamos deixar que ela leve a culpa do incêndio. Mas não a mate!

Cleiton: Germana, é a sua chance de tira-la do seu caminho.

Germana: Eu sei tirar uma pessoa do meu caminho de outra forma, não assim!

Cleiton: E o que você vai fazer?

Germana: Vamos sumir com, a Stella e fazer Ângela levar culpa da morte da amiga! Ai sim, ficaremos livres dela.

Germana pega a caixa de fósforos e põe na mão de Ângela que estava inconsciente.

Germana: Nicolle e Andréa voltem para lá e nos der cobertura.

As duas iam.

Germana: Cleiton, vamos ficar aqui a trás dela, ela pode acorda a qualquer momento.

Dito e feito. Ângela estava acordando do desmaio com uma caixa de fósforos na mão, que supostamente botaram ou era dela. Ela tossia muito por conta da fumaça do incêndio.

Ângela: (tossindo) Stella! Amiga cadê você?

Ângela fica andando procurando Stella, até que ela escuta um gemido.

Ângela: Stella amiga, vamos sair daqui!

Stella aponta com a mão para trás de Ângela, que não percebe o que à atrás dela. Stella apontava diretamente para Germana que estava atrás de Ângela.

Stella: Você é uma assassina! Você me matou!

Essas palavras foram o suficiente para Ângela cair no planto de choro. Em seguida Stella desmaia. E Ângela sai engatinhando para longe do corpo e acaba levando uma paulada na cabeça de Germana.

Germana: Cleiton chame as meninas lá na porta.

Cleiton chamava as meninas e elas viam.

Germana: Levem Stella daqui! Cleiton após sairmos daqui, ninguém viu ninguém ok?

Andréa e Nicolle levam Stella para o porão aprisiona-la lá. Cleiton sai do porão e vai para um canto e Germana para outro e o porão fica em chamas…}

Cleiton: E o que aconteceu depois vocês já sabe!

Ângela: Por que você fez isso, Cleiton? Você é como um irmão pra mim.

Cleiton: Cala a boca! Eu faria muito mais. Eu me arrependo amargamente de não ter acabado com a sua vida aquela noite!

Ângela: Seu desgraçado eu vou acabar com a sua vida! E o Renato que me dizia para eu não confiar em você, e brigava com ele sempre quando ela falava isso. O que você fez com ele?

Cleiton: O que ele mereceu!

Ângela: (chorando) Seu filho de uma mãe! Eu vou acabar com você Cleiton!

Cleiton: Faça-me rir!

Stella: Vai embora daqui Cleiton, você já trouxe muita desgraça para vida de gente!

Cleiton: Com maio prazer!

Ângela: Cleiton, você ainda vai se arrepender de tudo isso.

Cleiton sai ignorando-a. Ângela cair aos berros no chão.

Ângela: (Chorando) Meu Deus eu não mereço esse destino insensato! Por quê?

Stella: Calma amiga!

Ângela: Calma? Eu pensei a minha vida toda, que eu era a culpada do assassinato da minha melhor amiga. Ai eu descubro que tudo não passou de um plano. Esse plano destruiu dezoito anos da minha vida, Stella. Eu não mereço esse Insensato Destino!

Stella: Amiga nós iremos da o troco nessas pessoas!

***

Família Matarazzo| Sala

Daniel e Germana discutia sobre o acontecido.

Daniel: Germana eu quero saber o que aconteceu aquela noite realmente.

Germana: Nada demais Daniel! Vamos esquecer isso, afinal Stella está mais viva do que nunca né?

A campainha toca. Cleiton chega para pedir ajuda a Germana. Será que ela vai ajuda-lo?