Doce amargo: Episódio 6 – Eu tenho um plano

Doce amargo: Episódio 6 – Eu tenho um plano

Nos episódios anteriores:

-Pra onde deseja ir? Indagou Willyan.

-Quero que você me leve para diversão.

-Pode deixar  senhor.

ABERTURA

 

Início súbito do EPISÓDIO 6 

 

Dentro do carro Erick pensava no próximo passo para tirar Lucas de seu caminho.

-Senhor? Chamou Willyan.

-Sim.

-Tem uma boate aqui perto se chama “STARS”.

-Ela é boa?

-É sim, pra quem está procurando boas mulheres.

-Intendeu errado Willyan, não procuro mulheres, procuro garotos. Onde achar garotos bonitos nessa cidade?

Willyan o olhou pelo espelho retrovisor e intendeu do que ele precisava, e com um tom de ironia disse.

-Bem sei de um lugar onde o senhor vai adorar.

-Como se chama?

-“Light”!

-Ótimo! Essa serve.

Enquanto isso Weverton estava em sua casa descansado depois de um longo dia de trabalho, estava na frente do computador quando sua mãe o chamou.

-Filho é sábado à noite. Não vai sair não?

-Não mãe. Prefiro ficar em casa hoje. Estou acompanhando uma serie ótima no CYBER SERIES.

-Também estou, não perco um capitulo de GAROTA DE IPANEMA. Está bem! Aviso-te quando o jantar estiver pronto.

-Obrigado Mãe.

A mãe de Weverton se retira, logo ele se levanta e tranca a porta, senta-se em sua cadeira novamente abre seu facebook, pesquisou o nome de Erick e logo o encontrou.

-Pronto! Te achei. Você é muito lindo Erick. Olha aqui tem até seu endereço.

Weverton estava fascinado por Erick, aquele rosto angelical, o jeito de falar, ele tomaria uma atitude? Mais ele pensava consigo mesmo, que Erick não iria querer. Será mesmo? Mais será que o dinheiro e o poder fala mais auto que o amor? Isso Weverton teria que descobrir sozinho.

A caminho da boate Willyan Indagou.

-Desculpe Senhor. Mais não deixei de saber sobre o ocorrido com o patrão Nicolas.

-Vocês todas dessa empresa é fofoqueiros?

-Desculpe senhor.

-Mais sim essa é a verdade, Lucas só vive pegando no meu pé. Até parece que  quer o meu lugar.

-Lucas? O da recepção?

-Sim esse mesmo. Tenho que dar um jeito de tirar ele do meu caminho.

-Como disse?

-Não, nada.

-Pensei ouvir o senhor dizer que queria tira-lo do caminho.

-Ouviu bem.

-Olhe eu posso lhe ajudar.

-Como assim?

-Posso ajudar com que ele saia da empresa.

-Você consegue?

-Sim. Mais isso tem um preço.

-Diga seu preço.

-Fique comigo.

Erick o olhou surpreso, mais o que ele tinha a perder, na verdade só teria a ganhar.

-Eu topo. Vamos mudar o trajeto, vamos para o Motel Paradise.

-Como quiser senhor. Disse Willyan com um largo sorriso

Ao chegar no motel eles escolheram um quarto e logo entraram, Willyan foi logo agarrando Erick.

-Calma lá garanhão. Conte-me primeiro tudo sobre seu plano.

Já havia acabado o expediente no Hotel Missouri e Nicolas mandou chamar Lucas.

-Mandou me chamar senhor?

-Sim Lucas entre. Olhe meu querido vou esquecer o terrível ocorrido dessa tarde, mais na segunda quero o senhor e Erick bem cedo a minha sala no térreo, assim que ele chegar venham direto a minha sala.

-Ok senhor.

-Pode ir Lucas, obrigado.

No Domingo de manhã era por volta das onze horas quando Erick chegou em casa. Sua mãe estava varrendo a varanda.

-Não dormiu em casa Erick?

-Não mãe não enche.

-Erick você vai me enfartar dessa forma, passei a noite toda em claro. Onde esteve?

-Não é da sua conta.

Um bater de palmas interrompe a conversa.

-Vai lá vem quem é Erick.

-Vai lá você.

A mãe de Erick abre o portão.

-Pois não?

-Com sua licença senhora, o Erick mora aqui?

-Sim vou chamar. Erick! É pra você.

-Está bem já vou.

Erick chega até o portão e leva um susto ao ver quem o lhe espera.

-Meu Deus! Weverton!

FIM DO EPISÓDIO

Rick Lobo

CEO Fundador da FH Filmes” e produtor executivo Cyber Séries